Pular para o conteúdo principal

DICA DO DIA

Nono capítulo - novela - negociante de almas - Röhrig C. - lançamento 2015 - livro



09
Procurei o Padre na casa paroquial. Ao lado da igreja. A pequena casa de madeira, cercada por um belo jardim de rosas vermelhas. O Padre estava entre as roseiras, colhendo algumas flores. Parecia um corvo no meio de uma plantação de milho. Rosas vermelhas. Aproximei-me dele e o cumprimentei.
- Boa tarde; Padre.
- Boa tarde meu filho, - ele disse – no que posso ajudar?
- O senhor já esta há muitos anos aqui na comunidade.
- Sim, meu filho. Se não me engano realizei o seu batismo.
- Eu sei. Por isso vim conversar com o senhor.
- Triste o que aconteceu com o Sr. Anderson.
Ele colocou as rosas no cesto de vime e retirou as luvas. Apertamos as mãos.
- Foi uma bonita cerimônia.
- Mas o que você quer saber?
- O senhor conhece todas as famílias da cidade.
- Nem todas. Hoje em dia tem muitas famílias novas e as antigas, muitos já não veem mais a igreja como antigamente. São terríveis estes tempo. Como as pessoas se desviaram do caminho.
- O que preciso saber é sobre uma das famílias mais antigas da região.
- E o que deseja saber meu filho?
- Conhece bem a família dos Baum?
- Vamos entrar meu filho.
Ele falou e deu uma olhada em volta. Recolheu o cesto do chão e disse:
- Vamos para dentro, não é seguro conversarmos aqui.
Entramos pela porta da cozinha, o padre largou a cesta na mesa.
- Vou preparar um chá, você quer?
- Obrigado Padre, - eu disse – mas prefiro um café. Se não for incomodo.
- Não é nenhum incomodo meu filho. Vou preparar.
Eu observava os moveis e utensílios antigos, enquanto ele aquecia a água para preparar as bebidas.
- Sobre o que gostaria de falar mesmo?
- A família Baum, Padre.
- É mesmo.
- Sim, o que o senhor sabe a respeito deles?
- O que você quer saber?
- Existe algo e errado com eles.
- Como assim?
- Não sei, é por isto que estou aqui...
Ia contar para o Padre a respeito da conversa com o agente funerário, mas algo me dizia que deveria manter em segredo. Bernardo não tinha pedido sigilo, mas achei que seria bom ter uma carta na manga. O Padre poderia não saber do que eu suspeitava, e ia acabar ficando confuso. Tinha que primeiro saber o que ele sabia.
- É uma boa família, eles sempre vêm à igreja. Estão sempre ajudando nas obras e reformas. Não tem nada de anormal, ou que os desaprove. E você o que anda fazendo? Faz tempo que não o vejo na missa?
Ele parecia querer mudar de assunto, como se tivesse pensado melhor.
- Mas o senhor tinha algo para me dizer lá fora.
- Porque você acha isso meu filho?
- O senhor falou que não era seguro.
- Ah isso, mas não tem nada a ver com os Baum. Apenas o sol esta muito forte na rua, e não é seguro ficar conversando parado em baixo do sol. Hoje em dia o sol está muito perigoso.
- O senhor tem certeza?
- Claro meu filho. Tenho acompanhado as noticias, o sol anda venenoso. Temos que ter cuidado.
- Desculpe então. Devo ter entendido errado.
- Adoçante ou açúcar?
- Pode ser com açúcar. Três colheres pequenas.
Mas ele não me convenceu, com a história do sol. Precisava achar uma maneira de provocar alguma reação.
- O senhor conhece um sujeito chamado Ângelus?
Quando pronunciei o nome ele deixou a xícara cair no chão.
- Merda...
- O que o senhor disse?
- Não o conheço.
- Tem certeza?
- Meu filho já esta tarde. Tenho que arrumar esta bagunça e preparar a missa de amanhã. Você vai vir?
- Posso lhe ajudar.
- Não precisa esta tudo bem. Apenas vou limpar essa bagunça.
- Mas...
- É melhor ir.
Praticamente ele me enxotou da casa paroquial. Mas agora eu sabia que existia algo. 

Ofertas:

Postagens mais visitadas deste blog

fundo transparente para criar imagem PNG

---------------------------------------------------------------- ------------------------------------------------------------------ passe o mause em cima da parte branca entre as duas linhas tracejadas , clique com o botão direito do mause  e copie o fundo transparente para criar imagem PNG

livros mais vendidos na amazon, dica de leitura, kindle, ebook, book, baixe agora

livros mais vendidos na amazon, terceira semana em destaque, aproveite e leia agora
adquira o seu exemplar também
Lista de mais vendidos da Amazon:
#2 em Livros > Infantil e Infantojuvenil > Ficção Científica, Fantasia e Terror > Terror de dar Calafrios
click no link e aproveite

A ÚLTIMA VIAGEM DO LUSITANIA - ERIK LARSON

A ÚLTIMA VIAGEM DO LUSITANIA ERIK LARSON ormato(s) de venda:livro, e-bookTradução:Berilo VargasPáginas:432Gênero:Não FicçãoISBN:978-85-8057-850-8E-ISBN:978-85-8057-851-5Lançamento:27/10/2015
Em 1o de maio de 1915, com a Primeira Guerra Mundial chegando a seu décimo mês, um luxuoso transatlântico saiu de Nova York com destino a Liverpool, com um número recorde de bebês e crianças a bordo. Era uma surpresa que os passageiros estivessem tão tranquilos, já que a Alemanha declarara os mares ao redor da Inglaterra como zona de guerra e havia meses os submarinos alemães levavam terror ao Atlântico Norte. Mas o Lusitania era um dos maiores e mais rápidos navios em serviço, e seu capitão, William Thomas Turner, acreditava piamente no cavalheirismo de guerra que por um século evitou que navios civis fossem atacados. No entanto, a Alemanha estava determinada a mudar as regras do jogo, e Walther Schwieger, o capitão do Unterseeboot-20, estava feliz em colaborar. Enquanto isso, um serviço de inteligên…